Apresentação

    Um presépio de pães com a imagem do Menino Jesus, montado no interior da Casa Paroquial no Natal de 1996 foi a origem e a inspiração de toda esta obra de evangelização.
    Às vezes parece que estamos sonhando e não acreditando que já percorremos 19 anos procurando mostrar a originalidade do Natal através da cultura e da criatividade das pessoas  que querem resgatar o verdadeiro sentido do Natal para uma sociedade que está saturada pelo consumismo, enganada por figuras que procuram assaltar o lugar do Menino e por uma mentalidade pagã que abafa e nega a obra misericordiosa da nossa redenção, mesmo celebrando a festa do aniversariante que é para muitos um ilustre desconhecido e, por ser desconhecido não é amado.
    Organizar a Exposição de Presépios é um ato de fé, porque é vislumbrar a presença do Deus encarnado em tudo aquilo que é humano. Celebrar o Natal é um ato de fé: Crer no Deus que assumiu nossa condição humana é crer que toda pessoa tem dignidade e um valor fundamental, pelo simples fato de viver. Contemplar o Presépio é descobrir nele a presença daquele que ainda hoje está procurando uma morada para nascer: o coração dos que o amam!
    Nesta trajetória procuramos nas Exposições, cada ano destacar um tema ligado à espiritualidade do Natal e compor a cena do nascimento de Jesus nas mais diferentes situações e culturas humanas. Não nos preocupamos em fazer melhor, mas em fazer diferente a cada ano.
    Com a 19ª Exposição foram montados 604 Presépios. Uma criatividade exemplar, sem repetição e que não esgota nunca porque sempre descobre como é universal o amor de Deus por nós e encontra novas maneiras de o representar.
    Há uma equipe de voluntários formada por membros da nossa comunidade e amigos de outros lugares. A generosidade, a alegria, o espírito de serviço, a preocupação por fazer o melhor, o desejo de anunciar o mistério da salvação é o combustível que move o trabalho gratuito e cansativo, mas ao mesmo tempo reconfortante e cheio de bênçãos que renovam o ardor do ser cristão.
    Agradecemos o trabalho e a colaboração de todos. Agradecemos a participação nos eventos promocionais em vista de angariar recursos e garantir a sequência das Exposições. Agradecemos as doações de pessoas e empresas. Agradecemos aos que nos prestigiam com a sua simpática visita ao longo destes três lustros. Aos que nos visitaram de perto ou de longe; da região ou de inumeros Estados do Brasil e do exterior, nosso "muito obrigado"!
    São Francisco de Assis foi o inspirador do Presépio, por isso há sempre um cantinho reservado para ele em nossas Exposições. No Natal de 1223, em Gréccio ele organizou o primeiro. Que a sua intuição original continue suscitando em todos nós uma maneira de experimentar e reviver o mistério, encantamento, a beleza da encarnação de Jesus. Amém


Pe. Luiz Carlos Gonçalves
Pároco